Michael Schumacher: “Há 25 anos atrás Schumacher vencia sua 1ª corrida de F-1 em Spa na Chuva, batendo Senna, Mansell, e Patrese.”

Por Dan Chandller

 

Sábado, 29/08/1992, no paddock em Spa Francorchamps, Ayrton Senna comentava sobre o retorno do seu grande adversário após um ano sabático:

“Prost não queria correr contra mim na mesma equipe, ele sabia que seria difícil. E é triste, porque estamos falando de negócios, mas também sobre esporte.”

Um dia após correr a quinta corrida da temporada, a McLaren vivia uma fase complicada, já que as Williams dominavam o campeonato.

Nigel Mansell conseguiu a sua décima pole da temporada ficando à frente de Senna, porém a surpresa na corrida foi o surgimento do jovem talento alemão “Michael Schumacher”, que no ano anterior conseguiu a façanha de largar em 7º com uma Jordan sem nem conhecer a pista e nunca ter pilotado um carro de fórmula 1.

Em Magny Cours Schumacher foi severamente repreendido por Ayrton Senna, furioso por ter sido atrapalhado na primeira curva, Ayrton estava muito nervoso apontou o dedo para a cara do Schumacher, que na humildade se conteve e abaixou a cabeça ignorando Senna.

Entre os dois pilotos houveram algumas desavenças, no Brasil o Alemão havia criticado publicamente Ayrton Senna de ter diminuído o ritmo, o que de fato foi verdade, assim os dois pilotos começaram uma luta interna nos bastidores.

 

 

 

Em Spa Ayrton Senna levava uma vantagem inicial, que logo foi retomada pelos pilotos da Williams.

Começou a chover e o ballet dos pit stops deixou muitos pilotos confusos, Senna continuava com um bom stint na esperança de que o asfalto secasse rapidamente, e quando ele decidiu trocar os pneus já era tarde demais.

Ayrton Senna, o famoso “mágico da chuva” rodou feio, e mostrou que naquele momento de muita pressão não era tão gênio assim e também falharia.

Finalmente a pista secou, e os primeiros pilotos voltaram aos boxes e colocaram os pneus slicks.

Michael Schumacher com o talento de um gênio brilhou na escolha da sua parada. Schumacher mostrou que já era um futuro gênio na fórmula 1.

Enquanto Senna e a Williams hesitaram,  o jovem piloto Alemão se manteve na liderança e venceu sua primeira corrida da carreira, ficando a frente de Mansell, Patrese, Brundle e seu companheiro de equipe Ayrton Senna.

Michael Schumacher venceu a corrida com a pista úmida, e pilotando na ponta dos dedos seu nervoso carro Benetton.

O jovem piloto alemão causou um tremendo espanto nos comentaristas e fãs, já que ele venceu a corrida com pneus slicks, batendo as Williams de outro planeta e o piloto do momento Ayrton Senna.

Após a corrida muito emocionado com a sua primeira vitória, Schumacher falou à imprensa na época:

“Neste momento eu não consigo descrever minhas emoções”, disse Schumacher encharcado de champanhe.

“Hoje, quando eu estava no motorhome, senti que podia vencer a corrida. E eu estou feliz por vencer não porque outros tiveram acidentes ou problemas em seus carros, e sim por quê eu ganhei esta corrida sozinho.”

Esta vitória foi a primeira de várias na carreira de Michael Schumacher, e a partir desta vitória espetacular ele mostrou que seria um grande campeão no futuro, fato qual que a história provou anos depois.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s